NFP-Brasil
Seja bem-vindo(a) ao NFP-Brasil! Por favor logar-se!

Você ainda não tem uma conta no NFP-Brasil? Para se cadastrar basta clicar no botao 'Registrar-se'. Após a insercao de seus dados um e-mail lhe será enviado para a ativacao da sua conta!

Team NFP-Brasil

TROMPAS OBSTRUÍDAS

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por Ana PAULA COSTA em Qui Ago 02, 2012 5:43 pm

OLÁ,

MENINAS ACHEI VCS AQUI E ESTOU MUITO FELIZ POR ISSO, VOU PODER DIVIDIR MINHA DOR COM PESSOAS QUE TB TEM O MESMO PROBLEMA DO MEU. TENHO 27 ANOS E TEM UM MÊS QUE DESCOBRI QUE TENHO TROMPAS OBSTRUÍDAS FOI DURO MAIS, FUI NO PROJETO BETA TIRAR DUVIDAS E ENTENDER UM POUCO MAIS SOBRE ISSO. MARQUEI UM MEDICO COM ELES NO DIA 27 DE AGOSTO PARA ENTENDER UM POUCO MAIS DO MEU PROBLEMA.

FIZ O HISTEROSSALPINGOGRAFIA E DEU ASSIM :

A INCIDÊNCIA SIMPLES NÃO EVIDENCIA CALCIFICAÇÕES PATOLÓGICAS EM REGIÃO PÉLVICA.
AS INCIDÊNCIAS TOMADAS DURANTE E APÓS A INTRODUÇÃO DO CONTRASTE IODADO HIDROSSOLÚVEL EVIDENCIA:

CAVIDADE UTERINA DE FORMA TRIANGULAR EM ANTEVERSÃO COM PAREDES LISAS E REGULARES.

TUBAS UTERINAS OBSTRUÍDAS.

PROVA DE COTTE NEGATIVA.

HOUVE REABSORÇÃO LINFO- VENOSA PARCIAL

QUERIA SABER SE ALG JÁ TEVE ISSO EU NÃO ENTEN NADA SÓ SEI QUE ESTOU COM AS TROMPAS OBSTRUÍDAS

Ana PAULA COSTA
Ainda iniciante

Número de Mensagens: 1
Idade: 29
Localização: SÃO PAULO
Data de inscrição: 02/08/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por Crisilva em Qui Ago 02, 2012 6:47 pm

Seja bem vinda ao fórum Ana Paula!!!
Minha prima também tinha as trompas obstruídas, fez o tratamento e com 1 mês ficou grávida... não desanime irás conseguir engravidar também!!!

Crisilva
Aqui é como minha casa

Número de Mensagens: 3334
Idade: 31
Localização: Minas Gerais
Data de inscrição: 05/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por pandora77 em Qui Ago 02, 2012 9:08 pm

Eu tb tinha... mas demorei uns anos

pandora77
Aqui é como minha casa

Número de Mensagens: 4020
Idade: 36
Data de inscrição: 14/10/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

FERTILIZAÇÃO IN VITRO x HIDROTUBAÇÃO

Mensagem por andre vaz em Sex Ago 10, 2012 8:28 pm

Peço a todas com quadro de TROMPAS OBSTRUÍDAS que procurem se informar sobre uma forma de tratamento para desobstrução das trompas chamado HIDROTUBAÇÃO. Venho utilizando este método há mais de 24 anos com bons resultados. Para o meu espanto, foi através da internet que tomei conhecimento do número ínfimo de médicos que ainda usam o método, sem falar nos colegas que NUNCA (?) ouviram falar!!! Parece que na cabeça da maioria só existe a fertilização in vitro (FIV) como única solução. Venhamos e convenhamos, nós médicos ainda temos muito que aprender com a fertilização, pois os resultados ainda não ultrapassam os 15% de gravidez a termo. Com a hidrotubação as chances são bem maiores e de custo MUITO inferior á FIV. dr andre vaz

andre vaz
Estou de vez em quando por aqui

Número de Mensagens: 35
Idade: 52
Localização: niteroi RJ
Data de inscrição: 27/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por rozinha em Seg Ago 13, 2012 5:09 pm

Muito interessante, Dr. André Vaz

E nos outros estados, o senhor conhece algum médico que trabalha com Hidrotubação?

_________________
Dindinha do Heitor...
Mamãe de um menino lindo de 8 anos! Feliz!!!

rozinha
Aqui é como minha casa

Número de Mensagens: 8091
Idade: 44
Localização: Brasil
Data de inscrição: 08/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por andre vaz em Ter Ago 14, 2012 8:12 pm

Rozinha, só conheço aqui no RJ, infelizmente. dr andre vaz

andre vaz
Estou de vez em quando por aqui

Número de Mensagens: 35
Idade: 52
Localização: niteroi RJ
Data de inscrição: 27/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por andre vaz em Sex Ago 17, 2012 4:47 pm

INFERTILIDADE POR TROMPAS OBSTRUÍDAS:
COMO TRATAR???

INFORMAÇÕES SOBRE A HIDROTUBAÇÃO:


A Hidrotubação é um método de tratamento ginecológico para os casos de OBSTRUÇÃO TUBÁRIA (DAS TROMPAS). O diagnóstico de obstrução das trompas é feito através do exame radiográfico chamado de HISTEROSSALPINGOGRAFIA.
O método da HIDROTUBAÇÃO, consiste na aplicação por via vaginal, semelhante ao exame de histerossalpingografia, de medicamentos que irão atuar no útero e nas trompas. Não conseguimos sucesso em todas as pacientes com este método, pois a cura vai depender do tipo de obstrução existente nas trompas. Existem três tipos de obstrução e são divididas assim:

Aderência fugaz – aderência que impede a gravidez, mas não lesou o epitélio interno das trompas, e se desfaz com a pressão do contraste utilizado no exame de histerossalpingografia. Isto explica os casos de gestações que acontecem nos meses logo após os exames de histerossalpingografias ditos “normais”.

Aderência frouxa – aderência que não se desfaz com a ação mecânica da pressão exercida no exame de histerossalpingografia, mas pode ser revertida com o uso da enzima contida na hidrotubação. Nestes casos, o tecido inflamatório é frouxo permitindo a ação da enzima. Já pode haver dano do epitélio no interior das trompas com comprometimento dos cílios internos, que podem se regenerar, desde que utilizada a cortisona que retarda a reparação, dando chance a regeneração dos cílios.

Aderência firme ou densa – aderência como sequela de processo inflamatório que gerou tecido de reparação denso, rico em fibrina e tecido conjuntivo denso, não sendo suscetível a ação da enzima ou da cortisona. Nestes casos indicamos a FERTILIZAÇÃO IN VITRO como única saída.




Não existem relatos de alergias aos medicamentos usados na hidrotubação. A contra-indicação principal para a hidrotubação é o sangramento vaginal, mesmo que pequeno ou em “borra de café”, nos dois dias que antecedem a aplicação. É importante que as aplicações sejam feitas em sequência e semanais, de preferência entre dois períodos menstruais. È contra-indicado um intervalo inferior a sete dias pois as drogas utilizadas são de ação lenta e não podem se acumular no organismo.
A Hidrotubação veio substituir um método doloroso e arriscado chamado PERSUFLAÇÃO TUBÁRIA, que consistia na insuflação das trompas com gás carbônico, injetando pressão através do útero, o que causava acidentes graves com ruptura das trompas e hemorragia interna!
Com a descoberta das PENICILINAS nos anos 40, houve uma “chuva” de indicações para o uso da nova droga milagrosa, que salvou muitas vidas, mas injetada no útero pouco acrescentou no tratamento das obstruções tubárias.
O método é antigo e caiu em desuso com a chegada da Fertilização “in vitro” (FIV), prometendo milagres que hoje sabemos serem inferiores a 20% de gestações viáveis. Neste período os planos de saúde pagavam valores irrisórios ao método de HIDROTUBACÅO, tornando impraticável seu uso em consultório, somado ao ínfimo número de Faculdades de Medicinas que ensinavam o método.
Hoje com drogas mais modernas e potentes observamos o espaço importante no tratamento da infertilidade de causa tubária, com resultados mais animadores que a FIV.
Agora com a publicação de trabalhos científicos que divulguem a hidrotubação, teremos mais médicos retornando ao uso do método.

Dr. André Vaz


andre vaz
Estou de vez em quando por aqui

Número de Mensagens: 35
Idade: 52
Localização: niteroi RJ
Data de inscrição: 27/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por rozinha em Seg Ago 20, 2012 2:47 pm

Muito interessante essa diferenciação entre tipos de obstrução das trompas. Eu achava que era tudo igual...

_________________
Dindinha do Heitor...
Mamãe de um menino lindo de 8 anos! Feliz!!!

rozinha
Aqui é como minha casa

Número de Mensagens: 8091
Idade: 44
Localização: Brasil
Data de inscrição: 08/09/2008

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por andre vaz em Sab Out 20, 2012 4:50 pm

POR QUE AS TROMPAS OBSTRUEM???

As trompas obstruídas constituem uma das maiores causas da infertilidade feminina. Me lembro do curso de medicina onde o GRANDE Professor Altamiro Vianna, titular da cadeira de ginecologia da Universidade Federal Fluminense, iniciou a aula sobre Doenças Sexualmente Transmissíveis (D.S.T.) dizendo para o espanto de todos: “saudade da gonorreia!”. Sábio em seus ensinamentos, o que queria na verdade era mostrar que a doença evolui, o germe evolui, a natureza evolui, e a complexidade aumenta. No tempo da gonorréia os sintomas da doença eram gritantes, com dores horríveis ao urinar e um corrimento fétido na uretra do homem e na vagina da mulher. Pronto, era só sentir os sintomas, e tratar os males da doença. Hoje, a infecção por um germe chamado “Clamídia tracomatis” raramente trará sintomas gritantes que leve o paciente ao médico, e cursa geralmente assintomática, mas deixando sequelas avassaladoras, como a obstrução das trompas. Fosse só a obstrução, por vezes sem obstruir as trompas esse germe destrói os cílios existentes no interior das trompas e essenciais para carrear o concepto da trompa para o útero num ritmo natural. Assim, muitas mulheres com trompas não obstruídas, mas que apresentam alteração no relevo do interior da trompa ou espessamento mucoso da parte ampular da trompa diagnosticado pelo exame de histerossalpingografia, continuam tentando engravidar e sem sucesso. Essas pacientes por vezes relatam um atraso menstrual, seguido de menstruação abundante, onde podem na realidade estar presenciando uma gravidez em processo de abortamento, pelo fato do embrião ter chegado cedo ao útero, pela falta dos cílios explicados acima. O diagnóstico preciso da infecção por clamídia também é controverso. Na qualidade de um micoplasma, onde a tuberculose e a lepra são seus parentes, seu diagnostico e tratamento darão mais trabalho ao médico. Uma forma simples de presunção diagnóstica é através do exame preventivo. Existe um sinal no exame preventivo do colo uterino que pode muito nos ajudar. O achado de “atipias inflamatórias nas células endocervicais (ou da endocervix)”, para muitos colegas já é indicação de tratamento contra a clamídia, pecando pelo excesso e visando a saúde da paciente, face ao exposto acima. O tratamento se dá por via oral pois os cremes vaginais não resolvem. Essas “atipias” são mencionadas no laudo descritivo do exame preventivo e por vezes não fazem parte do diagnóstico final, passando desapercebido aos médicos desavisados. O tratamento das sequelas, como a danificação do interior da trompa ou a sua obstrução, podem ser tratados com a infusão de enzima associada a cortisona e antibiótico, método chamado HIDROTUBAÇÅO, e que para meu espanto cibernético, poucos continuam utilizando. Tenho tido bons resultados, a mais de vinte anos, nada milagroso, mas com resultados mais animadores dos que os 15% de chance da fertilização in vitro (FIV). Como prevenir? Modo de viver. Em tempos onde se preza a liberdade e igualdade, são os valores humanos que estão em jogo. A liberdade sexual associada a falta de prevenção contribuiu e muito para a evolução dessas doenças. O condom, a famosa camisinha, tem um papel fundamental na prevenção, mas valendo lembrar que só deve ser usada com gel lubrificante, sob a pena das queixas que tanto se escuta contra esse método. Um ensinamento oriental nos diz: “na ansiedade pela busca nos perdemos pelo mundo, quando o que precisamos se encontra tão perto, dentro de nós”. Fica aqui nesse saudoso conhecimento, palavras para decifrar um pouco mais dessa arte que se chama medicina. Espero poder ter ajudado.

Dr. André Vaz

andre vaz
Estou de vez em quando por aqui

Número de Mensagens: 35
Idade: 52
Localização: niteroi RJ
Data de inscrição: 27/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por THAIS FREITAS em Sab Out 20, 2012 9:35 pm

study

THAIS FREITAS
Aqui é como minha casa

Número de Mensagens: 1552
Idade: 22
Localização: MS-BRASIL
Data de inscrição: 26/07/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por andre vaz em Seg Nov 19, 2012 10:38 am

Aqui coloco um video mostrando a entrada da trompa vista de dentro do útero. Uma sonda é introduzida na trompa, por dentro do útero. Algumas pessoas podem pensar que essa seja uma maneira de desobstruir as trompas, mas na verdade não adianta desobstrui-las de forma mecânica, como se fossem "um cano entupido". Por dentro das trompas existem cílios que servem para carrear o óvulo, ou o concepto, melhor dizendo. Somente a hidrotubação pode dar a chance de desobstrução com regeneração dos cílios. Nesse caso a ação não será mecânica, mas química. dr andre vaz www.youtube.com/watch?v=KcrYxnF5L5k


OBSERVAÇÅO: o video acima foi desativado para o público. Desconheço o motivo, mas prejudica a divulgação do conhecimento.
"Que morram os manipuladores do verdadeiro conhecimento." Galileu


Última edição por andre vaz em Qua Jul 10, 2013 12:28 pm, editado 1 vez(es)

andre vaz
Estou de vez em quando por aqui

Número de Mensagens: 35
Idade: 52
Localização: niteroi RJ
Data de inscrição: 27/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por andre vaz em Ter Nov 27, 2012 10:44 am

INFERTILIDADE E INFIDELIDADE

Os casos de INFERTILIDADE DE CAUSA TUBARIA, na maioria das vezes, são causados pela infecção por germes, geralmente Clamídia ou outros micoplasmas com tropismo pelo aparelho genital, e SEXUALMENTE TRANSMISSIVEIS. Já comentei em outros artigos que essa infecção na maioria das vezes (90%) é ASSINTOMATICA, criando a figura do portador são (“quem vê cara, não vê a infecção”), O GRANDE VILÅO no controle dessas doenças. Num casal com relação estável, teoricamente seria IMPOSSIVEL, após o tratamento do casal, a doença retornar. Mas como cada organismo reage de forma diferente do outro, mesmo se usando a mesma droga, encaramos o caso dessa maneira, e optamos por novo tratamento. Pode uma trompa, após ser desobstruída pela HIDROTUBAÇÅO, voltar a se obstruir? Bem, se a obstrução é uma SEQUELA de infecção por doença sexualmente transmissível, é claro que a paciente se REINFECTOU.
Aqui mora o problema e o tema do artigo. Sendo óbvio que o ato sexual feito com quem se ama não existe igual, não podemos ignorar que o ser humano é um ser sexual, visto através da biologia, onde todos os mamíferos exceto a mulher, só praticam o ato sexual estando no cio, quando a vagina estará dilatada, permitindo o coito. A mulher pode ter relação a hora que bem entender. A liberdade sexual da mulher aumentou abruptamente com a descoberta dos anticoncepcionais hormonais.
Mas eu quero falar é de conduta, de consciência, de se fazer o que realmente se planeja, comportamentos comuns somente á espécie humana. Se o desejo é gerar um filho, e a mulher se propõe á um tratamento para dar chance ao casal de finalmente terem o seu filhinho, é INADIMISSIVEL o quadro de reinfecção. E aqui eu me dirijo aos maridos, parceiros, ou o que quiserem se chamar: sejam honestos consigo mesmos. Se o MACHISMO doente, impregnado nesta América Latina te contamina a mente, fazendo se achar o verdadeiro garanhão, xeique, ou o que quiser se achar, tomem vergonha na cara e usem pelo ao menos a CAMISINHA, quando estiverem em relação extra-conjugal. E para os que se sentem impotentes com o uso da camisinha, experimentem o seu uso junto com um gel lubrificador, pois descobrirão como se usa esse produto, tão barato, e que ajuda muito o ginecologista no tratamento de suas pacientes. Para minhas pacientes, companheiras sofredoras ou não, só restam dois caminhos, ou encaram o real parceiro que tem, para tentarem juntos uma solução, ou convençam aos mesmos a usarem a camisinha fora de casa.

Dr. André Vaz

andre vaz
Estou de vez em quando por aqui

Número de Mensagens: 35
Idade: 52
Localização: niteroi RJ
Data de inscrição: 27/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Trompas...

Mensagem por Vanessapt em Ter Dez 04, 2012 11:03 pm

Olá a todos,
Queria agradecer a todos pelas explicações que me tem ajudado muito.
Tenho 31 anos, e á 5 anos atrás tive um aborto espontâneo. Desde essa altura que tento engravidar e até agora nada... Todos os meses a mesma coisa esperança e depois a desilusão... Neste momento vivo na Irlanda e aqui procurei um médico, após alguns exames de sangue de ovulação... Tomei clomid durante 4 meses e como nada aconteceu, fiz uma histerossalpingografia, e o resultado foi que a trompa do lado direito estava obstruída. A medica da clinica de infertilidade aconselhou me a tirar as duas trompas e fazer FIV. Como devem imaginar entrei em choque, como todas as mulheres sempre quis ter um filho de maneira natural, e após todos estes anos de tentativas sem sucesso sinto-me um lixo, mas n conseguia imaginar-me sem trompas... Pois ia ficar sem esperança e a depender da FIV que como devem imaginar não é um tratamento barato na Irlanda, e tambem não é comparticipado pelo Governo. Bem chorei, chorei sem parar até que a médica me disse que me ia mandar para um médico muito bom especialista em trompas.
Fui a esse médico no início do ano expliquei lhe que não queria perder as duas trompas, e o que ele me disse é que eu iria fazer uma laparóscopia e que só em último caso é que me tirava a trompa ou as trompas...
Entrei para a sala de cirurgia sem saber o que me ia acontecer e como Deus é maior que tudo não foi necessário tirar nenhuma das trompas pois estavam as duas desobstruidas. Pelo que eu entendi o liquido que injetaram demora muito tempo a percurer as trompas... Não sei se estou certa mas penso que ( são trompas preguiçosas???).
Bem o doutor descobriu que eu estava com endometriose e aproveitou para limpar tudo. E neste momento estou curada..Pelo menos foi o que ele me disse quando perguntei o que teria que fazer já que nunca tinha ouvido falar em endometriose.
Como devem imaginar estou super feliz por ter asminhas trompas mas estou cheia de duvidas, só tenho consulta com o médico dia 14 e estou ansiosa para lhe fazer perguntas se alguém me poder ajudar agradecia muito. Não quero esperar mais estou desesperada quero ser mãe!
Queria agradecer ao Dr André pela informação sobre as trompas...
Se alguém conhecer uma história identica á minha, para me aconselhar pois não sei qual será o próximo passo a dar....
Será que devo tentar fazer HIDROTUBAÇÅO? mas as minhas trompas não estão obstruidas...
Ou será que posso começar a tomar Clomid? Queria tentar uns meses se conseguia engravidar naturalmente Sad
Ou no meu caso não á esperança e o melhor é fazer FIV? E rezar pra fazer parte das contempladas já que só á 15% de chance.
Um beijinho a todas e obrigada desde já, é muito bom poder compartilhar a minha história com alguém que entenda o que estou a sentir...

Vanessapt
Ainda iniciante

Número de Mensagens: 1
Idade: 33
Data de inscrição: 04/12/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por Crisilva em Qua Dez 05, 2012 10:55 am

Sei que esteja ansiosa para conseguir o seu Milagre!!!!
Mas se as trompas estão desobstruídas, acho que deve esperar pelo dia 14 vai passar rapidinho.
Estarei torcendo por você!!!

Crisilva
Aqui é como minha casa

Número de Mensagens: 3334
Idade: 31
Localização: Minas Gerais
Data de inscrição: 05/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: TROMPAS OBSTRUÍDAS

Mensagem por andre vaz em Qua Dez 05, 2012 12:17 pm

vanessa, a hidrotubação age com medicamentos que podem proporcionar a regeneração dos cílios no interior das trompas, essenciais para que a trompa tenha utilidade. não adianta desobstruir com ação puramente mecânica. estou tentando editar umas imagens recentes que tenho de uma micro-filmagem do interior de uma trompa com esse cílios, mas ainda não esta pronta. em breve publico aqui para vcs. importante, no seu caso, é repetir a histerossalpingografia. dr andre vaz

andre vaz
Estou de vez em quando por aqui

Número de Mensagens: 35
Idade: 52
Localização: niteroi RJ
Data de inscrição: 27/11/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum